img-20170218-wa0012
.38 apreendido no Paranoá

Mais um dia de serviço para os eternos patrulheiros, sempre alertas e à procura dos malfeitores, esses incansáveis guardiões da lei patrulham dia e noite para proteger as pessoas de bem de nossa sociedade.

Em mais um serviço o GTOP 40 patrulhava as ruas do Paranoá, à caça daqueles que querem agir fora das leis, que querem fazer o mal aos outros, achando que podem transitar livre e impunemente por ai, mal sabem eles que os caçadores estão por ai, sempre de olho, sempre atentos à tudo e à todos, procurando o mal onde quer que ele esteja.

Quando os caçadores saem às ruas o mal sempre perde, sempre sucumbe, e não seria diferente naquela noite do dia 15 de fevereiro de 2017, quando, por volta de 20hs:30min , a equipe do GTOP 40 Charlie foi informada  que duas pessoas, Dyego e JFTSJ (menor de idade), estariam em posse de uma arma de fogo, e que provavelmente essa arma foi utilizada no homicídio da quadra 10 do Paranoá, ocorrido no começo do mês.

Foi solicitado apoio do serviço de inteligência do batalhão para que fizessem alguns levantamentos acerca dos fatos. Após algumas diligências, o serviço de inteligência conseguiu localizar o endereço dos envolvidos.

De posse do endereço a equipe se dirigiu até o local e em conversa com a genitora de JFTSJ foi autorizada a entrada da equipe na residência. Dentro do quarto do menor foi encontrado um revólver calibre .38 com quatro munições intactas e algumas porções de uma substância amarelada aparentemente crack. Na residência de Dyego, com autorização de seu cunhado, morador, foram feitas buscas e localizada uma porção de substância esverdeada aparentemente maconha e aproximadamente 500 (quinhentos) reais. Diante dos fatos os indivíduos foram conduzidos a 6ª Delegacia de Policia e, posteriormente, à Delegacia da Criança e do Adolescente para as medidas cabíveis.

 

GTOP 40 Charlie

APOIOS:

GTOP 40 Alfa

GTOP 40 Bravo

Anúncios